A situação das pistas de skate em Guaxupé

Skatista e praticante de BMX relata a realidade; vereador divulga projetos em andamento.

Leandro Vidal, Anderson Paulino (Pretinho BMX) e Gustavo Vinivius (Vereador-SOLIDARIEDADE)
Leandro Vidal, Anderson Paulino (Pretinho BMX) e Gustavo Vinicius (Vereador-SOLIDARIEDADE).

No dia 26 de julho a pequena “Fadinha do Skate”, Rayssa Leal, se tornou gigante ao conquistar a medalha de prata no skate na modalidade street feminino batendo o record brasileiro da medalhista mais jovem da história das olimpíadas.

A conquista de Rayssa não só foi um grande orgulho para o país como também ampliou a discussão para diversos temas como a mulher nos esportes radicais, a marginalização da prática do skate e a falta de incentivos públicos a prática esportiva em geral.



Em Guaxupé, durante a pandemia, as pistas de skate que existiam na Vila Olímpica (Poli Esportivo) e no Parque Municipal da Mogiana foram destruídas para darem espaços a outros projetos.

Na edição deste sábado (31/07) do programa “Estúdio C“, convidamos para um bate papo sobre o tema o skatista e praticante de BMX, Anderson Paulino (popularmente conhecido como “Pretinho da BMX”), e o vereador pelo Partido Solidariedade, Gustavo Vinicius, que nos deram informações de como está a situação da prática esportiva do skate da cidade, onde o Anderson relatou a sua realidade vivida no dia a dia e o vereador divulgou os projetos em andamento sobre o assunto.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + vinte =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comente e Compartilhe nas Redes Sociais!